Análise realizada pelo Laboratório Unimed auxilia no diagnóstico precoce da doença renal crônica

Análise realizada pelo Laboratório Unimed auxilia no diagnóstico precoce da doença renal crônica

O diagnóstico da Doença Renal Crônica (DRC) realizado na fase inicial da doença é fundamental para que medidas preventivas ou que retardem sua progressão para estágios mais avançados da doença ocorram. Muitos indivíduos somente tomam conhecimento da existência da patologia quando ela já está em fase avançada.

O Laboratório Unimed Jaboticabal utiliza um importante recurso que auxilia no diagnóstico de pacientes com DRC: a estimativa da Taxa de Filtração Glomerular (eTFG). A eTFG é realizada com base na dosagem de creatinina no sangue.

“Sempre em busca da excelência no atendimento e com o compromisso de proporcionar inovações ao cliente Unimed, o Laboratório utiliza esta ferramenta importante no diagnóstico da DRC e chama a atenção da classe médica, de profissionais de saúde e da população em geral para esta patologia. A eTFG é avaliada como um componente importante no diagnóstico, associado a outros parâmetros, como hematúria, imagens ultrassonográficas anormais, entre outros, que podem e devem ser levados em conta para o diagnóstico da fase inicial da doença”, destaca a coordenadora do Laboratório Unimed, Cristina Palazzo.

O Laboratório Unimed libera a eTFG no laudo da creatinina de acordo com os procedimentos orientados pelo Kidney Disease Outcome Quality Initiative (KDOQI), importante organização voluntária de saúde dos Estados Unidos e aprovado pela Sociedade Brasileira de Nefrologia. 

Sobre a DRC

Doença Renal Crônica (DRC) consiste em lesão renal e geralmente perda progressiva e irreversível da função dos rins. Atualmente ela é definida pela presença de algum tipo de lesão renal mantida por pelo menos 3 meses com ou sem redução da função de filtração. A DRC é considerada pela Organização Mundial da Saúde – OMS um problema de saúde pública. Hipertensão e diabetes são os principais fatores de risco para DRC e estão se tornando mais frequentes na população em geral, contribuindo para o aumento da sua incidência.

Deixe seu comentário

Av. Carlos Berchieri, 791

Nova Jaboticabal

(16) 3209 - 2433

Informações

Fale Conosco

faleconosco@unimedjaboticabal.coop.br